domingo, 19 de novembro de 2006

Complicada

domingo, 19 de novembro de 2006
... esta coisa de se ser mulher.
De se querer ser objecto de afecto. De correr atrás do que parece fugir. De apagar uma história e recomeçar outra, e outra, e outra... até finalmente poder descansar os olhos cansados, deitar a cabeça numa almofada e cruzar as mãos com outras mãos que nos encontram numa total entrega. De alma despida, sem mentiras, sem farsas, sem dores, sem fantasmas, sem segredos.
Ser mulher é um permanente desejar.
Serei feliz e completa quando descobrir as mãos que me conheçam sem disfarces.
O caminho que levo para as encontrar não conheço. Por elas, espreitarei todas as vielas e recantos porque, com elas saberei finalmente o que significa realmente ser também desejada.
Esta é uma promessa que faço... por mim.

4 had an opinion:

Salustio

E já consideraste as vantagens do lesbianismo?

É que nós, realmente, não temos graça nem jeito nenhum.

Nuno Romano

E com isto meio caminho está feito.

Trinity

erh... lesbianismo? pois, não, de facto não considerei!
Porque vocês são tão fofitos!

EyeCatcher

Linda, não vale a pena entrares numa busca insessante. Quanto mais procuramos, menos conseguimos ver o que nos rodeia. O que tiver de acontecer que seja uma surpresa agradável na tua vida. Beijos grandes!

 
Trinity is home ◄Design by Pocket, BlogBulk Blogger Templates ► Distribuído por Templates